201512.04

Como Abrir Uma Padaria Pequena

Com grande potencial de crescimento, a indústria dos pães gera 10% dos alimentos consumidos pelo povo brasileiro. Porém, entrar nesse mercado pode não ser das tarefas mais fáceis visto que existem cerca de 60 mil panificadoras no país.

Se você é um empreendedor que entende do meio e quer botar a mão na massa, mas não sabe como começar, continue lendo esse artigo e veja como funciona a entrada no ramo. Afinal, nessa época de crise, a mistura para pães que gera as nossas delícias diárias pode ser uma excelente fonte de renda!

Planejamento

Antes de tudo, é preciso se planejar! O primeiro passo é fazer uma pesquisa de mercado buscando entender quem é o público alvo da região verificando fatores como renda, idade, classe social, hábitos de consumo etc. Sabendo isso você irá perceber como fazer algo direcionado para eles dando um diferencial ao seu produto.

Afinal, sem ele, a sua padaria pode ser apenas mais uma no meio das outras na indústria de pães. Aliás, esse é outro ponto a ser pensado nessa etapa. No mapeamento do bairro, pense nos imóveis disponíveis, quem será a sua concorrência e qual é a qualidade do produto deles. Procure fugir de competições acirradas além de se instalar em locais movimentados.

Estruturando-se

Uma padaria não é feita apenas da mistura para pães, mas também de muito material, mão de obra e boas pitadas de carinho! Para começar será preciso de um local que tenha cuidados relativos à iluminação e ventilação com um acesso fácil às prateleiras e frigoríficos para que os pãezinhos nunca atrasem.

Quanto ao material para uma padaria pequena, é necessário investir em média cerca de 50 mil reais. Claro, se você quiser fazer algo mais elaborado que venda algo além de pães e bolos, como itens de conveniência, o investimento será maior. Mas a princípio o valor é esse e ele servirá para comprar o básico da indústria de pães:

  • Forno
  • Mesa de Preparo
  • Amassadeira
  • Assadeiras
  • Divisora de massa
  • Modeladora
  • Cilindro
  • Armários de fermentação
  • Balança

Quanto à mão de obra, deve-se pensar em diversos fatores como horário de funcionamento, expectativa de vendas e a estrutura geral. Para uma pequena padaria, que funcione de 6h às 22h tendo cinco fornadas por dia, uma média de oito funcionários pode ser o suficiente.

Porém, leve sempre em consideração alguns pormenores como escala de folgas e uma futura adaptação no quadro de acordo com a demanda dos clientes. Também é importante separar alguns dias antes da inauguração para oferecer treinamento sobre a mistura da pães e outras considerações relativas à produção ou ao atendimento.

Regulamentação

Embora alguns empreendedores da indústria de pães não regulamentem suas empresas, ignorar essa parte pode ser letal para o seu negócio. Afinal, o Procon, a Anvisa ou a Prefeitura podem bater na sua porta com uma multa ou até mesmo fechando a sua padaria!

Para não correr esse risco, é preciso consultar a prefeitura e o Procon para saber quais são as documentações necessárias na cidade visando obter o alvará de funcionamento. Geralmente são exigidos os registros na Junta Comercial, Secretaria da Receita Federal, Secretaria da Fazenda, Prefeitura, INSS (no caso de não ter CNPJ) e no Sindicato Patronal.

Feitos todos os passos, agora é a hora de pegar a sua mistura para pães e entrar de cabeça no ramo. A indústria de pães precisa de inovações constantes para que a sua padaria não caia no ostracismo e consiga vencer a concorrência. Continue acessando o nosso blog para receber bons insights e continuar adquirindo mais informações sobre o setor!

  • Paulo

    Muito legal esta dica como montar seu próprio negocio.